sexta-feira, 11 de junho de 2010

Ibernação contra a mídia cultural do dia dos namorados

Ola,
Amanhã  é o tão temido dia dos namorados, temido para quem não tem namorado(a).
A midia fica massificando de que só podemos ser feliz ao lado de outra pessoa... o pior que eu acho que a midia tem a razão.
Como eu estou solteirissimo, irei passar o dia dos namorados com alguns amigos e amig as que estão na mesma situação que eu, iremos nos reunir, ver filmes romanticos, comer pipoca e sorvete, melhor estar com os amigos e amigas do que só.
Eu encontrei uma campanha muito interessante no FaceBook, espero que gostem.
 
***
 
Horário de início:
sexta, 11 de junho de 2010 às 23:30
Horário de término:
sábado, 12 de junho de 2010 às 02:30
Localização:
bem na sua casa. O importante é não ligar a TV e nem o rádio! ;-)

Descrição

Francamente, eu sou uma pessoa super bem resolvida em relação a muitas coisas por um lado.
Por outro lado, sou uma pessoa super romântica por natureza.
O que acontece num dia 12 de junho em que estou sem namorado?
CONFLITOOOOOO! A máquina pira! rs

Sei - sabemos - que a data do dia dos namorados é apenas uma data comercial pra vender. Que em outros países é comemorada em outro dia, inclusive, em função apenas dos fluxoscomerciais.
Sabemos de tudo isso!
Mas sei também que é uma delícia ganhar coisinhas bonitinhas feitas/preparadas ou mesmo compradas por uma pessoinha que ficou um tempo pensando no quê de mais especial poderia fazer pra te agradar exatamente nesta data. Isso é tão bonitinho.
E, bem, a mídia faz de tudo pra que a sociedade inteira conspire e se prepare pra este acontecimento. Um pouco menos que o Natal, mas quase tanto quanto.
Um dos episódios mais bizarros que aconteceram comigo foi um dia dos namorados em que TUDO estava planejadinho de uma forma bem bonitinha: presente feito, horários cronometrados, hora no restaurante japones marcadinha. Tudo ok.
Perdemos a hora do restaurante e fomos de local em local até parar na seguinte situação: Irish Pub - comendo aquela tábua de guloseimas gordurosas - bebendo erdinger - jogando tapão!
Suuuuper romântico, né?
Meu namorado de então quis me convencer de que isso era companheirismo. Na época eu não achei nada engraçado, mas tentei curtir... rs.. Hoje eu acho HILÁRIO!

Então, eu, que sou consciente, mas sou membro da sociedade, acabo me sentindo - quando não estou namorando - um ET.
Portanto, vou ibernar 24:30 horas até o dia dos namorados passar e eu não me sentir mais esmagada pelo rolo compressor midiático!
Preparandooooooooo! rs
 
 
Fonte : FaceBook

terça-feira, 8 de junho de 2010

Conselho Úteis

Ola ^^
Essa semana eu queria falar somente sobre acampamento e dar dicas sobre o mesmo, porém recebi essa mensagem de uma amiga minha e decidi encaminha-los, pois achei muito importante, nestes dias modernos em que vivemos temos cada vez menos tempo para nossos amigos, nossa família e as vezes para nos mesmos.
Espero que estes conselhos lhes seja uteis.

***

Em uma conferência numa universidade americana, Brian Dyson, ex-presidente da Coca Cola, falou sobre a relação entre o trabalho e outros compromissos da vida, dizendo: "Imagine a vida como um jogo no qual você faz malabarismo com cinco bolas que lança no ar.

Essas bolas são: o trabalho, a família, a saúde, os amigos e o espírito.

O trabalho é uma bola de borracha. Se cair, bate no chão e pula para cima. Mas as quatro outras não são de borracha. Se caírem no chão se quebrarão e ficarão permanentemente danificadas. Entenda isso e busque o equilíbrio na vida. E como conseguir isso? Anote aí dez conselhos simples:

1. Não diminua seu próprio valor, comparando-se com outras pessoas. Somos todos diferentes. Cada um de nós é um ser especial. Não fixe seus objetivos com base no que os outros acham importante. Só você está em condições de escolher o que é melhor para si próprio.

2. Dê valor e respeite as coisas mais queridas ao seu coração. Apegue-se a elas como à própria vida. Sem elas a vida carece de sentido. Não deixe que a vida escorra entre os dedos por viver no passado ou no futuro. Se viver um dia de cada vez, viverá todos os dias de sua vida.

3. Não desista quando ainda é capaz de um esforço a mais. Nada termina até o momento em que se deixa de tentar. Não tema admitir que não é perfeito.

4. Não tema enfrentar riscos. É correndo riscos que aprendemos a ser valentes.

5. Não exclua o amor de sua vida dizendo que não se pode encontrá-lo. A melhor forma de receber amor é dá-lo. A forma mais rápida de ficar sem amor é apegar-se demasiado a si próprio. A melhor forma de manter o amor é dar-lhe asas.

6. Não corra tanto pela vida a ponto de esquecer onde está e para onde vai.

7. Não tenha medo de aprender. O conhecimento é leve. É um tesouro que se carrega facilmente.

8. Não use imprudentemente o tempo ou as palavras, por ser impossível recuperar.

9. A vida não é uma corrida, mas sim uma viagem que deve ser desfrutada a cada passo.

10. Lembre-se: o ontem é história. O amanhã é mistério e o hoje é uma dádiva, por isso se chama "presente". Viva o presente com muita energia!

Pense nisso!

Estes conselhos são uma verdadeira lição de vida para quem deseja viver com equilíbrio.

Simples e objetivos, eles podem nos levar ao sucesso pessoal em todos os setores da vida.

Pessoas emocionalmente equilibradas têm mais alegria de viver, mais amigos e vivem mais e melhor.

E lembre-se da comparação das cinco bolas feita por Brian Dyson.

Essas bolas são: o trabalho, a família, a saúde, os amigos e o espírito. E somente o trabalho foi comparado a uma bola de borracha, as demais podem quebrar-se e ficar permanentemente danificadas.

Pense nisso!

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Dicas Para Acampamento - Como Proceder Quando Estiver Perdido

Ola,
Este fim de semana foi muito radical, acampei em um sitio, com o Clube de Desbravadores.
Ficamos quatro dias acampados em Bela Vista, um bairro localizado na Cidade de Belford Roxo/RJ.
Aprendi varias coisas legais, porém o mais divertido foi ficar acampado em contato direto com a natureza e próximo de meus amigos.
Fazendo uma trilha um dos lideres falou que estávamos perdidos, todos ficaram em desespero, aprendi como proceder se estiver perdido, depois descobrimos que tudo não passava de uma farsa, porém foi muito útil para descobrirmos os procedimentos corretos neste caso caso.
 
***
 
  • Ficar calmo;
  • Se localizar;
  • Procurar um marco familiar;
  • Seguir fios elétricos;
  • Seguir percusso de rios e cachoeiras;
  • Fazer sinal de pista;
  • Montar uma base provisoria;
  • Fazer um fogueira e
  • Nunca desista.
     

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Medico do S.U.S Genial!

Ola,
Uma amiga minha esta fazendo o curso de Serviço Social, ela me disse que antigamente para ser atendido a pessoa deveria estar trabalhando de carteira assinada, fiquei abismado, pois há tanto desemprego e sub-emprego hoje em dia.
O SUS-Sistema Unico de Saude, possibilitou que todos tivessem direito a uma saude gratuita e de qualidade...de qualidade, infelizmente o SUS não trouxe a saude de qualidade que deveria trazer, é notoria o abandono e descaso de muitos medicos.
 
***

Os 12 mandamentos do médico do S.U.S.

1. Se você não sabe o que o paciente tem, dê Voltaren;
 
2. Se você não entende o que viu, dê Benzetacil;
 
3. Apertou a barriga e fez "ahhnnn", dê Buscopan;

4. Caiu e passou mal, dê Gardenal;

5. Tá com uma dor bem grandona, dê Dipirona;
 
6. Se você não sabe o que é bom, dê Decadron;

7. Vomitou tudo que ingeriu, dê Plasil;

8. A pressão subiu? Dê Captopril;

9. Se a pressão deu mais uma grande subida, dê Furosemida;

10. Chegou morrendo de choro, ponha no Soro;

11. Arritmia doidona, dê Amiodarona;

12. Pelo não, pelo sim, dê Rocefin..  

P.S.: Se nada der certo, não tenha neurose: diga que é só uma virose!  

O PIOR É QUE É VERDADE!

terça-feira, 1 de junho de 2010

Aula de economia em 1 minuto!


Ola,
Um amigo enviou-me essa piada, eu a achei muito interessante pois, no fim há uma moral.
Espero que gostem.
***

Numa cidade, os habitantes, endividados estão vivendo as custas de crédito.

Por sorte chega um gringo e entra no único hotel.
O gringo saca uma nota de R$ 100,00, põe no balcão e pede para ver um quarto.
Enquanto o gringo vê o quarto, o gerente do hotel sai correndo com a nota de R$ 100,00 e vai até o açougue pagar suas dívidas com o açougueiro..
O açougueiro, pega a nota e vai até um criador de suínos a quem deve e paga tudo. O criador, por sua vez, pega também a nota e corre ao veterinário liquidar sua dívida.
O veterinário, com a nota de R$ 100,00 em mãos, vai até a zona pagar o que devia a uma prostituta (em tempos de crise essa classe também trabalha a crédito).
A prostituta sai com o dinheiro em direção ao hotel, lugar onde levava seus clientes e que ultimamente não havia pago pelas acomodações, e paga a conta de R$ 100,00.
Nesse momento, o gringo chega novamente ao balcão, pede sua nota de R$ 100,00 de volta, agradece e diz não ser o que esperava e sai do hotel e da cidade.
Ninguém ganhou um vintém, porém agora todos saldaram suas dívidas e começam a ver o futuro com confiança!


Moral da história: Quando o dinheiro circula, não há crise!