A tocha olímpica na minha cidade... e eu aqui no Pará!


Gente eu não acredito no que está acontecendo, hoje a tocha olímpica vai passar na minha cidade, e eu estou há quilômetros de distância.
Eu sinceramente nunca imaginei que um dia a tocha olímpica pudesse passar em Belford Roxo, e desde a última vez em que a tocha passou pela cidade do Rio de Janeiro, pensei em quanto seria legal ver esse símbolo olímpico e quem sabe até na minha cidade... quatro anos depois,  a chama olímpica está passando na minha cidade e eu não estou lá para vivenciar esse momento.


A chama é acesa na Grécia, de onde é passada para um lampião com combustível para queimar por cerca de 15 horas. Desta forma, por mais que a Chama Olímpica seja apagada, rapidamente ela é acesa, utilizando a mesma chama acesa na Grécia.
A Tocha foi construída para ser como o isqueiro mais sofisticado do mundo. A cada edição, diferentes tecnologias são empregadas para evitar que a chama se apague debaixo de chuva, por falta de combustível ou outra intempérie. Em seu deslocamento nestes anos, o fogo olímpico já cruzou o Canal da Mancha de navio, enfrentou a neve, mergulhou até a Grande Barreira de Corais, na Austrália, chegou ao espaço, andou de cavalo e camelo e viajou em canoas indígenas.
Apagar a tocha olímpica é considerado crime de dano ao patrimônio, podendo levar o infrator à prisão e ao pagamento de uma fiança de R$ 1.000,00 (mil reais).

Comentários