A Islândia por Dentro

Localizada ao sul do círculo polar do Atlântico Norte, a Islândia é o país nórdico menos povoado. Trata-se da segunda maior ilha da Europa (menor apenas que a Grã-Bratanha), e sua capital, Reykjavik, é a mais setentrional do mundo.

A Islândia desfruta de um clima, de certo modo, temperado, não devido à sua localização, mas em parte pelas correntes moderadas do Golfo. A Islândia é um ponto geologicamente quente, com gêiseres ativos e muitos vulcões. Embora esteja bem próxima ao círculo polar, sua costa permanece livre de gelo, mesmo no inverno.

Os primeiros colonizadores do país possivelmente tenham sido monges ou eremitas irlandeses que chegaram à ilha no oitavo século, mas partiram após a chegada dos nórdicos. Acredita-se que o primeiro nórdico a se estabelecer permanentemente, tenha sido Ingólfur Arnarson, onde hoje é a cidade de Reykjavik, em 874. Em 930, os pioneiros estabeleceram o Estado Livre Islandês, governado por Althing, um parlamentar da área legislativa e judiciária. O cristianismo foi adotado por volta do ano 1000.

No meio do século XVI, o rei dinamarquês Christian III impôs o luteranismo a todos os cidadãos da Islândia e a Igreja Nacional da Islândia é, de fato, a luterana. Os islandeses desfrutam liberdade religiosa, mas não há separação entre a igreja e o estado.

Pesquisas mostram que 43% da população nunca freqüentou qualquer igreja e que apenas 10% freqüenta regularmente.  
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fonte de pesquisa: Extraido do prtal da adventist World em língua portuguesa, disponivel em <http://portuguese.adventistworld.org/article.php?id=326> acesso em 02 de junho de 2008 

Comentários