Eu e minhas interrogações. Deus e suas respostas.

Ola!
Recebi esse email da Denise e gostei muito, decidi compartilhar com vocês, espero que também gostem.
Podemos saber que Cristo esta conosco mesmo nos pequeninos detalhes, quem diria que o Senhor do universo se inclinaria para ouvir um simples pedido da Denise? Assim ele é ouvi os meus e ou seus anseios, ele deseja somente que abramos a porta de nosso coração e de nossa vida para que ele faça morada.

Abraços



***



Ola!

 

É sempre bom compartilhar com os amigos fatos e experiências do dia-a-dia das quais podemos extrair lições de aprendizado e de confiança em um Deus maravilhoso, que se preocupa com cada detalhe de nossa vida, principalmente quando a Ele submetemos nossas preocupações, anseios e até mesmo nossos sonhos.

 

Há algumas semanas atrás, me vi questionando a Deus o porquê de estar me sentindo cada vez mais distante de algumas coisas que desejaria estivem bem próximas de mim, bem próximas de acontecer, coisas que tenho suplicado há tempos, mas que ainda não obtive a resposta desejada.

 

São as interrogações que surgem em certos momentos da vida. Quem já passou por isso, sabe.

 

Nesta mesma época, estava eu precisando muito de um par de sapatos pretos para  o trabalho. Precisaria que fossem confortáveis, de boa qualidade e é claro, de um preço razoável. Exigências normais.

 

Iniciei minha busca, até que achei o modelo ideal em uma certa loja. Contudo, as cores disponíveis eram apenas cinza, marfim e caramelo. Que tristeza!

 

Indaguei ao vendedor, o qual me informou que todos os pares pretos haviam sido vendidos e que não chegaria nova remessa.

 

Como sou persistente, durante três semanas seguidas visitei a mesma loja na esperança do vendedor estar enganado. Como ele não estava, quem estava era eu, desisti dos mesmos e passei a procurar em outras lojas e até um pouco distante. Contudo, não obtive êxito.

 

Um certo dia, ao sair do escritório, já cansada e precisando de resolver o meu problema com os sapatos, resolvi orar a Deus em pensamento. E foi assim que eu pedi a Ele que me conduzisse a uma loja onde eu pudesse encontrar os sapatos que eu precisava, e que isto ocorresse em 1 hora, já que neste tempo o comércio fecharia. 

 

Fui à procura. Antes, porém, resolvi pela última vez (promessa que fiz a mim mesma), entrar naquela loja que já havia visitado por inúmeras vezes durante as três semanas seguidas para ver se encontraria o par de sapatos almejados.

 

Sem muita esperança, entrei e olhei: lá estava a prateleira com os mesmíssimos sapatos, ou seja, os cinzas, marfins e caramelos. Mas qual não foi minha surpresa, ao avistar, perdido entre os marfins, um único par de sapatos pretos.

Pensei logo: "Pode até ser a cor que procuro, mas não é o meu tamanho."

Mais surpresa ainda fique ao constatar que era exatamente o meu número.

 

Agradeci a Deus naquele momento e saí feliz com os meus sapatos.

 

É claro que encontrar os sapatos foi extremamente gratificante. Mas creio que se não fosse dessa forma, Deus usaria outros meios.

 

Mais importante do que encontrar os sapatos, foi a lição que extraí do fato.

Em meu íntimo, senti que Deus havia respondido as minhas indagações, me dizendo que:

- somente eu poderei impedir a execução dos planos Dele para minha vida

- o que é meu, está bem reservado

- o tempo? para Ele não importa. Ele é o Senhor do tempo.

- de onde e quando eu menos espero é que virá.

- Ele somente me dará o que eu peço quando, além de reconhecer que a vontade dEle deve estar acima da minha, eu estiver preparada para receber

 

Penso então, que, por mais difícil que seja, deveríamos procurar colocar em prática o conselho:

 

"Aquietai-vos e sabei que EU SOU DEUS."

Salmos 46:10

 

Que você tenha uma semana abençoada e feliz na presença de Jesus, nosso amigo em comum!!!!

 

Abraços.

 

Denise

 

 

Comentários